quinta-feira, junho 29, 2006

A Bailarina Russa

Degas, the examination(retirado da net)

Uma bailarina russa que tinha setenta anos e ensinava dança pelas escolas, foi seguida por um jovem, seduzido por sua figura esguia e arrebatadora.

Para não ser alcançada, correu até casa e, ofegante, fechou-se no apartamento. A filha jovem interrogou-a sobre o sucedido.

«Uma coisa extraordinária», respondeu a velha mãe. «Um rapaz seguiu-me e eu não quis que descobrisse o meu rosto para não o desiludir com a minha idade. Vê pela janela se ele ainda está no passeio».

A filha foi à janela e, sobre a estrada, depara com um velho que olha para cima.

Tonino Guerra (1920)

Histórias para uma Noite de Calmaria

(tradução de Mário Rui de Oliveira)

"Aconselharia as mulheres, quando se interrogam sobre os efeitos da idade no seu encanto, a consultarem menos o espelho do que o rosto dos seus contemporâneos."

Marie Agoult

Fonte: Citador


4 comentários:

Jorge Ortolá disse...

Toda a mulher tem a sua beleza e o seu encanto.
Por vezes, ela é que não o reconhece...

RPM disse...

bom dia!

a paixão arrebata qualquer um em qualquer idade.....

um beijo de amizade.

bom s. pedro

RPM

DE PROPOSITO disse...

Um texto que implica meditação.
Beijos.
Manuel

RPM disse...

Minha querida Alexandra...mas eu disse...

BOM S. PEDRO.....

ai, que a minha amiga andava à procura das chaves da casa e não associou ao S. Pedro...

um beijo de amizade!!!

o 24 horas é um fenómeno...dei por mim ontem de boca aberta a olhar este primeiro episódio...já tinha visto outros, mas era tempo de aula e tempo de cinema dos, denominados, não comerciais....

um outro beijo.

RPM