domingo, fevereiro 08, 2009

Caminhos


É sabida a necessidade de estimulação do Ser Humano no prosseguimento de determinada tarefa. Neste âmbito, foram feitos estudos que comprovam a tendência de evoluir cada vez mais. Como exemplo, quem tirou um curso superior, em princípio, terá mais probabilidades de continuar a sua aprendizagem usando como veículo a frequência e conclusão de outros cursos para que se sinta vocacionado. O mesmo “caminho” não tenderá a ser percorrido por quem nunca teve essa experiência. Quanto a mim, não será de estranhar visto sermos animais de hábitos, por mais que não o queiramos admitir.
Este blog começou como uma forma de não perder a “corrida” a nível de escrita, uma vez que era sabida a cada vez menor necessidade de utilização desta linguagem. Os conhecimentos adquiridos serviram-me para muito, sem dúvida, mas a vida, essa, costuma dar voltas para as quais por vezes não estamos preparados. E, quando tal acontece, mais não podemos fazer senão as necessárias adaptações. Estas, obrigam a estratégias, sendo que, essas sim, variam em todos nós.
Hoje, dei comigo olhando para este blog e pensando quantas foram as pessoas que por aqui passaram. Umas mais que outras, mas todas elas foram importantes. Posso até considerar que fui coleccionando amizades. Poucas, é certo, mas muito significativas!!
Percorrendo a lista que aqui tenho descobri que alguns dos blogues já nem existem… com esta descoberta, admito que a estratégia que escolhi (ausência) foi longa. Talvez longa demais!
Um dia, uma das amigas que por aqui deixa sempre uma palavra, disse-me perante a minha predisposição em não usar este canto para deixar correr lágrimas: “Já pensaste que ao usares os teus percursos de vida, podes ajudar alguém que te leia?” Achei que a razão estava do seu lado, mas… continuei afastada de tudo e de todos.
Penso que chegou a vez da mudança. Talvez começar por actualizar o que for necessário, escrever com alguma assiduidade… não sei qual, mas alguma, embora saiba que ainda existirão tempos de inacção. Os conteúdos? Não sei quais, mas terei com certeza em atenção o que me foi dito!

10 comentários:

Paula Raposo disse...

É sempre enriquecedor lermos o que os outros escrevem. Beijos.

adivinha disse...

Entendo-a muito bem.
As minhas razões de ter um blog identificam-se com as suas.
Mesmo que sejam lágrimas, que mal tem isso? É o grito libertador o que interessa e é importante.
Sou um novato nestas andanças mas já me apercebi da influência que tem e de (alguma)necessidade de o manter fresco. Por nós mesmo. Pela troca. Pelos outros.
Já me diverti, já senti compaixão, já me senti enlevado e maravilhado.
Não quebre a magia, seja lá quando ela acontece. Mas sempre existe.

Muito obrigado pelo tempo que me dedicou. É importante para mim.

Um bom Domingo, Alexandra

Maria P. disse...

Por vezes temos palavras, outras vezes nem sabemos o que dizer...
Mas quero que saibas que fiquei com um sorriso.

Beijinho(S)Muito(S)


(Tens um mail)

Anónimo disse...

Ola Alexandra,

"Havia uma porção de gaivotas em busca de seu alimento enquanto apenas uma, sozinha, tentava voar de maneira diferente das outras, de uma forma muito especial mas não conseguia, caia. Só que nunca desistia! Tentava voar cada vez melhor!.
Quando finalmente conseguiu, descobriu o quanto se amava e o real sentido de viver! Descobriu que podia aprender a voar, ser livre!"
Fernao Capelo Gaivota
Richard Bach

Um beijo e um arco iris.
Isabel Albuquerque

Alexandra disse...

Olá Isabel, ainda não tinha acabado de ler o teu texto e já sabia que se tratava do meu querido Fernão Capelo GAivota que, sem dúvida, nos dá belos ensinamentos.

Obrigada pela tua presença!

Beijocas

Roderick disse...

Alexandra. Muito bem!
E também agradeço a tua presença nos momentos em que mais precisei!

adivinha disse...

Que lhe posso dizer?

Obrigado. Pela atenção, pelo tempo, pelas pistas, pelas opiniões.

Se bem que desconfio que se esconde aí uma professional. Não diga. É melhor assim.

Volte sempre que lhe apetecer. Eu volto aqui a esta Magia...

Um boa semana Alexandra!

adivinha disse...

Obrigado, claro que sim, Obrigado mesmo.

E no fds terei a sua oferta em continuous play. Para embalar.

Bons sonhos para si.

Daniel Silva disse...

sima foto... como posso seguir este blog?

Mauro disse...

Ás vezes o que nos leva a fazer algo tem muito de inexplicável..não sabemos o porquê apenas sabemos que temos que o fazer..que precisámos fazer..

Maior liberdade de expressão que esta é difícil de encontrar..é só dar-lhe bom uso..