sábado, junho 02, 2007

Um lugar com magia.

Em criança era o seu espaço mágico. Ali, fazia tudo quanto lhe pedissem. Não que fosse uma criança rebelde, mas talvez se sentisse protegida e calma… corria ou, simplesmente observava e ouvia das, para si, enormes escadas que levavam àquela imensidão de água… o seu som a cair ou a subir…
O porquê de tanta água não transbordar, era uma pergunta que fazia a si mesma mas que guardava. Os reflexos da luz no lago que a própria fonte tinha, as várias luzes que emergiam, caiam, para de novo se erguerem de outra forma… todo o ambiente em si lhe era querido.
Adolescente… hoje adulta, mas a magia permanece!
As sensações são as mesmas. De frente para o monumento e tentando não ver a luz que é lançada pelo CCB, emerge os pensamentos somente naquele pequeno espaço cheio de som, luz e movimento.
Hoje sabe porque não transborda água, como aparecem as mais variadas cores… a aprendizagem disse-lhe isso!
Mas por si memorizou a vida que pulsa naquela água que se auto alimenta. Ali pode estar acompanhada mas só com o seus pensamentos, onde tudo passa. Factos, vivências, memórias, histórias…
A magia nunca desapareceu, continua lá. Aquele é o seu lugar, a sua dimensão que, como a “Cinderela”, às 0horas termina!

Imagem retirada da net.


15 comentários:

A.J.Faria disse...

Olá, Alexandra!
Quando são espaços marcantes, as sensações passam a ser intemporais, tudo nos fala do mesmo, como se o tempo não existisse.
Um beijo

Fernando Pinto disse...

Alexandra, possuis o dom do olhar, do sentir... Disso tenho eu a certeza! Um olhar incisivo, penetrante!

Abraço,
Fernando Manuel

DE-PROPOSITO disse...

A magia faz parte da vida.
Fica bem.
Felicidades.
Manuel

foryou disse...

Nada como a magia. É uma bo aliada da vida :)

D. Maria e o Coelhinho disse...

Mas que se renova sempre...


Coelhinho

MARIA VALADAS disse...

Todos nós em crianças, criamos um espaço mágico de fantasias...e que nos anos vindouros e já adultos, vamos-nos apercebendo da realidade!
Embora, já adultos continuemos a gostar e querer acreditar que ainda há recantos mágicos!

Apesar dos meus cinquenta e dois anos... gosto de fantasiar...para mim, isso significa magia!

Bom texto minha querida!

Beijinhos da

Maria

Teresa Durães disse...

um texto bastante bonito! No dia em que perderes essa magia, morreste. A vida sem ela não tem qualquer sentido

beijos

Isa&Luis disse...

Olá, Doce menina!

Os teus escritos são um delicia de se ler.

A magia é a essência da vida.


Beijinhos muitos

Isa

John Lemmos disse...

Olá Alexandra
Com a mesma sensibilidade de sempre... Gostei.

**beijos**
(tá tudo bem comigo!!)

carteiro disse...

Este tipo de memórias cheias de magia é deveras encantador :)

Às 0 horas termina... mas num amanhã e num depois de amanhã baterão de novo as 0 horas e há sempre um momento para voltar atrás no tempo.

Porque as fadas assim o desejam e porque elas estão para lá de qualquer aprendizagem.

Pluma(princesavirtual) disse...

Há certas magias que são intemporais :)

Beijos Alexandra

Pedro Arunca disse...

Este"postal" despertou-me para outros postais que esqueci no tempo- Obrigado por ter ligado as luzinhas da minha memória.
Adorei ler o seu lugar mágico. ´Para mim também o foi. O 1º foi na Figueira da Foz (tinha eu 12 anos). O jogo de luzes e cores fascinava-me. Pequenas grandes coisas de gente pequena...que cresce é que por vezes esquece.
Escreva mais postais destes.....
Voltarei

triliti star disse...

I'm snake too...

alexia disse...

Também me recordei dum local mágico e secreto no qual passei muitas horas de espera entretida a brincar com imensos amiguinhos imaginários..a paciência que eu tinha nessa altura:).
Há lugares especiais! Eu não sou muito ligada a locais do passado, ou penso que não sou porque a realidade é que ao ler-te esta lembrança chegou e até me colocou um sorriso nos lábios:)

Bem...bom inicio de semana!

Jacinta Correia disse...

A magia de certos lugares nunca desaparece, antes, povoa-nos a imaginação e a lembrança para sempre... bj